Select Menu

LOGO CORROSÃO

LOGO CORROSÃO
» » Resenha - Back in Black, o álbum que iniciou uma nova era no AC/DC.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga


   Após a trágica morte de Bon Scott (Vocalista do AC/DC), Todos pensavam que era o fim da banda, os irmãos Young (Angus e Malcolm) até cogitaram acabar com a banda, mas por insistência de alguns amigos, e principalmente de Charles Belford Scott (pai de Bon Scott) continuaram.
    Após cogitarem alguns nomes, fizeram um teste com Brian Johnson, ex vocalista da banda Geordie. Curiosamente, alguns anos antes de sua morte, Bon Scott viu um show da banda (Geordie) e comentou com os irmãos Young o quanto gostou do Vocal.
    No teste, Brian cantou “Nutbush City Limits”, de Ike e Tina Turner, e depois “Whole Lotta Rosie” e “Highway to Hell”. O que agradou a banda foi a forma como Brian Johnson cantou as músicas, em nenhum momento ele tentou imitar Bon Scott, ele simplesmente foi la e deu o seu melhor. Brian foi contratado, seu contrato foi anunciado ao público no dia 08 de abril de 1980.
    O anuncio de um novo vocalista e de um novo álbum gerou muita critica, alguns fãs não queriam que a banda continuasse, diziam que Brian Johnson jamais preencheria o espaço ocupado por Bon Scott. Seis semanas após contratar Brian, o AC/DC lançou seu novo disco, Back in Black.
    Back in Black veio para mudar o estilo da banda, os riffs, a pegada e o novo vocal levaram os fãs a loucura, eles jamais haviam visto algo assim, era simplesmente incrível. O AC/DC acertou em cheio tanto na Mixagem quanto na distribuição das músicas.
    O álbum contém 10 músicas (Hells Bells, Shoot to Thrill, What Do You Do for Money Honey, Givin the Dog a Bone, Let Me Put My Love into You, Back in Black, You Shook Me All Night Long, Have a Drink on Me, Shake a Leg, Rock and Roll Ain't Noise Pollution). todas foram escritas por Brian Johnson, Angus e Malcolm Young.
    A música que abre o álbum é “Hells Bells”, que por sinal foi muito bem escolhida, pois com seu ar fúnebre e o sino tocando consegue impactar e até mesmo amedrontar.
    A sexta música do disco é “Back in Black” essa música mostra que o AC/DC está de volta do funeral e está dando tudo de si, não pretendendo parar por nada.


Back in Black veio para marcar uma nova era, um novo AC/DC, o AC/DC de Brian Johnson.

Autor Maxwell Gasparotto Rockenbach

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário